Concessionária BRP doa jet Sea-Doo para a Marinha Brasileira

Modelo GTR 230 também será usado na fiscalização de igarapés

Com o objetivo de auxiliar as operações de fiscalização e monitoramento do litoral do Piauí, a Concessionária BRP Velho Monge Power Sports, doou uma moto aquática Sea-Doo GTR 230 para a Marinha do Brasil. A entrega foi realizada na quinta-feira, 25 de junho, na sede da Capitania dos Portos, em Parnaíba (PI) e contou com a presença do Comandante Dante e de sua equipe de marinheiros, e, também, de Junno Campos, Presidente do Grupo Velho Monge, e dos gerentes da Concessionária BRP.

O jet contribuirá com as diversas atividades e responsabilidades da Marinha do Brasil naquela região, permitindo, inclusive, o fácil acesso às áreas de igarapés.

“O Grupo Velho Monge, por meio da Concessionária BRP, tem trabalhado de forma muito próxima da Marinha Brasileira, como forma de disseminar as boas práticas do uso de embarcações no nosso litoral. Entendemos que por meio de normatização e fiscalização, promoveremos um ambiente seguro para todas as atividades aquáticas”, comentou Junno Campos, do Grupo VM.

Em parceria com a Marinha do Brasil, a Concessionária Velho Monge promove cursos de segurança e conscientização das práticas esportivas e profissionais na água na VM Marina Clube.  

“A Sea-Doo, por meio de sua concessionária, se orgulha de poder contribuir com as operações da Marinha do Brasil. O Sea-Doo GTR 230 é um jet com muitos atributos para essa operação, inclusive reconhecidos pela Guarda Costeira dos EUA”, comentou Fernando Alves, Gerente Comercial da BRP para o Brasil.

O Sea-Doo GTR 230

Equipado com motor Rotax 1630 ACE de 230 Hp, o Sea-Doo GTR 230 impressiona pela economia de combustível. Projetado para ser ágil, seu casco tem o centro de gravidade mais baixo, proporcionando mais estabilidade e confiança ao pilotar. Para acelerações mais rápidas, o jet conta com o modo Sport, que oferece o máximo desempenho.

O sistema iBR, em sua terceira geração, permite a redução rápida de velocidade pois permite que o piloto, com as duas mãos no guidão, engate à frente, neutro e reverso, possibilitando manobras estáveis e livres de preocupações em baixas velocidades.

Com o exclusivo sistema de arrefecimento de circuito fechado, o Sea-Doo tem proteção contra a entrada de água salgada ou detritos no motor, aumentando a durabilidade do sistema.