Equipe Can-Am Monster Energy Varela Rally faz melhor tempo no terceiro dia da prova UTV 1 do Sertões Series Jalapão 2021

    • Gabriel Varela e Filipe Bianchini andam bem e conseguem o tempo de 4h19min41seg e lideram o dia na categoria UTV 1
    • Com o tempo de 4h20min34seg Deni Nascimento e Idali Bosse da Bompack Can-Am Racing ficam com o segundo melhor tempo da categoria

Foto: Sanderson Pereira

O terceiro dia do Sertões Series Jalapão 2021 fez os pilotos rodarem quase 300 quilômetros pelas areias de Tocantins. Novamente, a dupla Gabriel Varela e Filipe Bianchini, da Can-Am Monster Energy Varela Racing,  conseguiram o melhor tempo da categoria UTV 1, com 4h19min41seg. Deni Nascimento e Idali Bosse, da Bompack Can-Am Racing, terminaram o dia na segunda posição. 

Gabriel e Filipe, que correm pela primeira vez juntos, mostram que a união está dando certo. Com o resultado de hoje, a dupla permanece no primeiro lugar geral entre os 56 competidores de UTV. Apesar de enfrentar alguns problemas durante o percurso, outro destaque do dia foi o piloto Deni Nascimento e seu navegador Idali Bosse, da Equipe Bompack Can-Am Racing, que fizeram o segundo melhor tempo da categoria UTV 1, com 4h20min34seg. 

“A estreia com o Filipe está incrível, nos encaixamos super bem, não teve nenhum erro de navegação, as referências estão todas corretas. A gente está fazendo uma prova bem limpa no quesito navegação. Os resultados estão aí para mostrar o bom alinhamento”, comenta Gabriel Varela.

Gabriel também lamentou ter um problema na correia a três quilômetros do fim. “Fomos conservadores no primeiro trecho e tocamos em uma velocidade razoável para ficar entre os primeiros. No segundo trecho da prova aceleramos para recuperar o tempo, porém a três quilômetros do fim da corrida, tivemos um problema na correia que nos custou 2min40seg, mas conseguimos fazer a troca rapidamente e terminamos com o melhor tempo da categoria”, finaliza o piloto. 

Depois de finalizar o segundo dia rodando somente na roda de alumínio, por ter dois pneus furados, Deni Nascimento e Idali Bosse correram bem e conseguiram o segundo melhor tempo da categoria UTV 1. 

“Ontem enfrentamos problemas que fizeram com que nosso tempo não fosse tão bom. Hoje conseguimos correr bem e enfrentamos bem os trechos de areia, tivemos alguns imprevistos no caminho, mas ficamos com a segunda coloação”, comenta Deni.

Deninho Casarini também enfrentou alguns problemas no percurso, mas a experiência do piloto fez com que a Equipe Casarini Racinig Can-Am, conseguisse o terceiro melhor tempo da categoria e o 11º no geral.

“Tivemos alguns imprevistos no meio caminho, mas conseguimos resolver de maneira rápida e concluir a prova na segunda posição da categoria”, conta Deninho.

E novamente provando as qualidades do Maverick X3, os 10 melhores pilotos do dia estavam a bordo do UTV, que sai de fábrica com 195hp. 

Expectativa para o último dia de prova

Os pilotos seguem animados para o último dia de prova. Gabriel Varela com chances reais de levantar a taça do Sertões Series Jalapão 2021, apenas 10 segundos atrás do primeiro colocado no ranking geral, diz que sábado é o dia que não pode ter erros “Corremos bem até aqui e esperamos que amanhã consigamos fazer outra boa corrida para conquistar essa competição para nossa equipe e para Can-Am”

Deninho Casarini também está na briga pelo título da competição, o piloto está em oito na categoria geral, mas ainda acredita no título “Hoje vamos preparar o carro, corrigir os problemas e amanhã tentar fazer uma corrida boa para buscar o título”, conta Deninho. 

A última etapa do Sertões Series Jalapão 2021 acontece amanhã (19), com largada em São Felix e retorno a Luís Eduardo Magalhães (BA). A cerimônia de premiação será na Vila Panambi, próximo a cidade de Mateiros (TO).

Resultados extra oficiais – dia 3 (Geral)

  1. Cristiano Batista e Robledo Nicoletti – Can-Am – 04:14:32
  2. Fabio Ruediger e Eduardo Bampi – Can-Am – + 02:22 min
  3. Gabriel Varela e Filipe Bianchini – Can-Am – +05:09 min
  4. João Franciosi e Cesar Valandro – Can-Am – + 05:19 min
  5. Deni Nascimento e Idali Bosse – Can-Am – + 06:02 min
  6. Christian Klawa e José Ricardo de Castro – Can-Am – + 07:07 min
  7. Otavio Leite e Wladimir Grunemberg – Can-AM – + 07:28 min
  8. Gabriel Cestari e Jhonatan Artigo – Can-Am – + 09:20 min
  9. Tomas Luza e Robson Schuinka – Can-Am – + 09:39 min
  10. Fabio Pirondi e Marcelo Ritter – Can-Am – + 11:51 min

Resultados extra oficiais – Acumulado

  1. Cristiano Batista e Robledo Nicoletti – Can-Am – 09:34:50 
  2. Gabriel Varela e Felipe Bianchini – Can-Am – + 00:10 min
  3. Fabio Ruediger e Eduardo Bampi – Can-Am – + 01:12 min
  4. Tomas Luza e Robson Schuinka – Can-AM –  + 07:24 min
  5. Gabriel Cestari e Jhonatan Artigo – Can-Am – + 11:32 min
  6. João Franciosi e Cesar Valandro – Can-Am – + 11:33 min
  7. Otávio Leite e Wladimir Grunenberg – Can-Am – + 13:10 min
  8. Deninho Casarini e Ivo Mayer – Can-Am – + 16:56 min
  9. Christian Klawa e José Ricardo de Castro – Can-Am – + 19:41 min
  10. Cristian Domecg e João Luis Stal – Can-Am – + 25:11 min

Foto: Sanderson Pereira                                        Foto: Sanderson Pereira  

 

Sobre a BRP –
Somos um líder global no mundo de veículos de esportes motorizados, sistemas de propulsão e embarcações construídos em mais de 75 anos de engenhosidade e foco intenso no consumidor. Nosso portfólio de líderes da indústria e produtos distintos incluem motos de neve Ski-Doo e Lynx, motos aquáticas Sea-Doo, veículos Can-Am on
e off-road, embarcações Alumacraft, Manitou, Quintrex e sistemas de propulsão marítima Rotax bem como motores Rotax para karts e aeronaves recreativas.

Completamos nossas linhas de produtos com um negócio dedicado de peças, acessórios e vestuário para aprimorar totalmente a experiência de pilotagem. Com vendas anuais de CA $ 6,0 bilhões em mais de 130 países, nossa força de
trabalho global é composta por mais de 14.500 pessoas motivadas e habilidosas.